quarta-feira, janeiro 10, 2007

Gaiolas e Alojamento, Parte III

Interior:

No interior, o alojamento é mais simples e menos preocupante. Se existem outros animais em casa, basta mantê-los fora do quarto onde estão os porquinhos quando não estiver em casa, ou tenha uma gaiola fechada em cima e com esconderijos suficientes.

A gaiola do porquinho deve ter uma boa ventilação (paredes em grades) e deve ser grande para ele se movimentar livremente. Nunca deve ser usado um aquário de vidro, porque não tem ventilação necessária. A altura da gaiola, se for aberta em cima, deve ter 40, 45cm para que não consigam sair. É desejável um esconderijo dentro da gaiola, para que ele se possa esconder caso esteja com medo ou com vontade de se recolher a dormir. Um papelão com o fundo aberto e um buraco de lado é uma opção.

Os Porquinhos precisam de exercicio diário, por isso é preferível que a gaiola seja grande o suficiente para satisfazer essa necessidade, senão é aconselhável soltar o porquinho todos os dias um bocadinho. Pode fazer ou comprar uma área de recreio que deve ter tudo o que existe na gaiola. Outra opção é deixar um quarto na sua casa só para o porquinho. Neste caso, o porquinho deve poder voltar para a gaiola sempre que quiser e pode colocar caixas rasas com feno ou raspas de madeira nos cantos favoritos, para que usem como casa-de-banho, embora, pela minha experiência, eles prefiram sujar tudo mesmo

Autora : Sandra Silva

Sem comentários: